kim walachai produtora de conteudo

Caixa Tem Não Funciona em Iphone

O App Caixa Tem Não Funciona em Iphone! O que fazer para receber o Auxílio Emergencial que está na poupança digital criada pela Caixa Econômica?

Você tem direito a receber o Auxílio Emergencial de R$600,00, mas é usuário de Iphone e não consegue entrar no aplicativo Caixa Tem?

Se quando você abre o aplicativo no Iphone se depara com a seguinte mensagem:

“Desculpe, a nova versão do Caixa Tem estará com acesso exclusivo aos beneficiários do Auxílio Emergencial com Poupança Digital, aguarde a liberação.”

Não se desespere, pois isso não está acontecendo apenas com você!

Acesse o Calendário Atualizado: Auxílio Emergencial 5ª Parcela

Centenas de usuários do sistema iOS relataram dificuldades em acessar o aplicativo Caixa Tem criado pela Caixa Econômica Federal, cuja finalidade era, justamente, facilitar o recebimento do benefício disponibilizado pelo governo.

Contudo, para desespero de muita gente, desde sua criação, o app apresenta instabilidade e não sai da tela inicial.

Ainda que, o processo para baixar o app Caixa Tem para Iphone seja bem simples. Depois que o aplicativo está no Smartphone do usuário, raramente sai da tela de “boas vindas”.

O que é o App Caixa Tem?

O Caixa Tem é um aplicativo desenvolvido pela Caixa Econômica Federal, a fim de garantir o acesso de todos os brasileiros à diversos serviços sociais, bem como, permite que o cidadão faça transações bancárias através do app.

Disponível para download nas lojas Android e iOS, através do aplicativo, o usuário consegue acessar informações sobre o Auxílio Emergencial, benefícios sociais e outras questões relacionadas ao trabalhador, como por exemplo, PIS, Seguro-Desemprego e FGTS.

De acordo com o site da Caixa:

“Quem tem conta na Caixa também pode consultar saldo e extrato, fazer pagamentos e transferências de até R$ 600 por transação e até R$ 1 mil por dia.”

Por fim, vale lembrar que quem solicitou o recebimento do Auxílio Emergencial, bem como, pediu para ter uma conta poupança digital exclusiva para o benefício, pode – ou pelo menos, deveria conseguir – acessar todas as funcionalidades disponíveis no App Caixa Tem.

Leia também: “Sou MEI e não recebi o Auxílio Emergencial”

Caixa Tem Não Funciona em Iphone: O que fazer?

Surpreendentemente, até o momento da publicação deste artigo, a CAIXA não havia se pronunciado a respeito do “bug no aplicativo” – e como de costume, soltou pequenas notas no Twitter, explicando que existe uma sobrecarga no sistema e que é preciso ter paciência!

No entanto, existem 3 alternativas para quem não consegue acessar e/ou fazer transações pelo App Caixa Tem do Iphone. São elas:

  1. Se possível, pedir emprestado um Smartphone Android para um familiar ou amigo (que esteja de quarentena com você ou que esteja frequentando o mesmo ambiente de trabalho) e, realizar a consulta através do seu CPF cadastrado no sistema da Caixa. Nesse sentido, é possível transferir o dinheiro da poupança digital para uma outra conta. O que já aliviaria bastante a situação do usuário!
  2. Continuar tentando abrir o App Caixa Tem pelo Iphone. Pois alguns usuários disseram que conseguiram consultar o benefício, depois de insistir muito! No entanto, não há uma previsão de atualização e correção de bugs.
  3. Trocar o Wi-Fi pelo 4G. Há quem diga que, através dessa mudança de acesso à internet é possível abrir o app (mas não é uma solução garantida). Vale a pena tentar!

Embora não seja nada agradável ter que lidar com essa questão por meio dessas opções. Ainda mais porque estamos de quarentena e o momento não é o ideal para utilizar objetos de outras pessoas…

Por ora, infelizmente, são as únicas alternativas que existem. Visto que, nem mesmo via desktop é possível acessar a conta poupança digital criada pela Caixa Econômica Federal.

ATUALIZAÇÃO: Dia 23 de abril o aplicativo foi atualizado. Comente aqui se agora está funcionando!

Se você conhece mais alguém nessa situação, compartilhe esse conteúdo com essa pessoa!

Você também pode se interessar por: “Auxílio Emergencial Banco Santander”

kim walachai produtora de conteudo

TOP 6 Dicas para Otimizar suas Páginas e Aumentar as Conversões

Saber como otimizar suas páginas é um cuidado essencial para quem trabalha empreendendo na web e deseja elevar sua taxa de conversão.

Afinal de contas, todo o caminho percorrido pelo cliente em sua jornada de compra acaba influenciando diretamente em sua tomada de decisão.

Ou seja, cada página acessada por ele, desde sua Lading Page até a página de pagamento, é decisiva para que ele opte por comprar ou não o seu produto e/ou serviço.

E se você acha que apenas inserindo uma boa imagem assim como uma descrição bem elaborada, ou um preço atrativo é o suficiente para converter seus acessos em vendas, está enganado.

Confira a seguir, algumas das melhores dicas sobre como manter suas páginas otimizadas e, com isso, garantir mais vendas.

Leia também: “Como Conseguir Conteúdo para Blog”

kim walachai produtora de conteudo

1. Como otimizar suas páginas e vender mais – O design impacta diretamente na experiência do cliente

Um usuário que entra em um site com poluição visual ou que demora demais para carregar, dificilmente é retido. Por isso, o design é um dos elementos mais importantes da otimização.

É preciso investir em um layout que ajude a condicionar o cliente até a compra, e que também não demore para carregar.

Nesse sentido, é válido trabalhar com botões de ação ao longo das páginas, assim como, é essencial disponibilizar conteúdos que ajudem a trabalhar o funil de vendas.

2. Coloque elementos de Upsell e Cross-sell

Upsell e Cross-sell são duas técnicas que visam justamente aumentar não apenas as vendas, mas o valor que os consumidores gastam em cada venda. Para isso, elas trabalharão com sugestões.

No caso do Upsell, são oferecidos produtos bem como serviços adicionais de uma mesma categoria. Dessa forma, o ticket médio das compras dos consumidores irá aumentar.

Vamos supor que você oferece um curso de 20 horas, aqui seria ofertado um de 40h, mostrando os diferenciais desse adicional.

Já no Cross-sell, o objetivo é oferecer produtos e serviços complementares. Usando o exemplo anterior, ao invés do curso maior, você poderia oferecer um e-book com conteúdos adicionais.

3. Valorizar a experiência mobile é uma boa dica para otimizar suas páginas e vender mais

A grande maioria dos acessos a internet é feita através de dispositivos mobile. E isso se deve a alguns fatores, como o fato de muitos brasileiros usarem a internet móvel.

Portanto, se você quer aumentar as vendas é importante manter o seu site sempre responsivo.

Ou seja, ele precisa ser fácil de carregar, ter boa usabilidade, ser intuitivo e ser “navegável” por diferentes dispositivos.

4. Saiba trabalhar a usabilidade e melhorar e experiência do cliente

Usabilidade, bem como, experiência – são dois elementos extremamente valorizados pelos consumidores.

Logo, uma das dicas para otimizar suas páginas é investir nesses dois pilares. E existem várias formas de se fazer isso, tais como:

  • Permitir o cadastro para compra através da integração com e-mail bem como redes sociais;
  • Usar Pop-ups não invasivos;
  • Garantir a otimização de pagamento através da utilização de ferramentas como G-Pay e Paypal;
  • Manter o site leve e carregando com facilidade até mesmo em internet móvel;
  • Elementos responsivos para qualquer tipo de tela.

Perceba que essas dicas completam o tópico anterior. Tudo está alinhado!

Mas, essas são apenas algumas das inúmeras formas de garantir mais usabilidade para o usuário.

5. Trabalhe com Remarketing para otimizar suas páginas e vender mais

O remarketing é uma estratégia que ajuda tanto na otimização de páginas, como também na fidelização de clientes e no aumento de faturamento.

Basicamente, nessa técnica você tentará angariar os clientes que de alguma forma se “perderam ao longo do caminho” da compra.

Para isso, você terá que trabalhar diretamente com ferramentas de monitoramento para saber em que etapa o usuário desistiu da ação.

Por exemplo, vamos supor que o consumidor fez todo o trajeto para comprar um e-book, mas na hora de pagar desistiu quando viu o pagamento apenas à vista.

Uma das suas estratégias pode ser, justamente, oferecer uma opção parcelada, com ou sem juros, bem como, avisar o cliente sobre a novidade – através do e-mail que ele te informou durante o processo.

6. Tenha um espaço para avaliações

Por fim, a última dica para otimizar suas páginas é implementar um espaço onde os clientes possam deixar suas avaliações sobre o produto ou serviço.

Os consumidores da nova geração, geralmente, procuram esse tipo de depoimento antes de fazer uma compra.

Só para ter uma ideia 92% dos brasileiros que compram pela internet afirmam que confiam na palavra de outros consumidores.

Inclusive, muitos consideram esse tipo de avaliação na hora de decidir comprar um produto bem como contratar um serviço.

Por conta disso, ter um espaço para mostrar esses depoimentos pode fazer toda a diferença em suas vendas.

Conclusão

Otimizar suas páginas é um trabalho constante e que exige muita dedicação da sua parte. Afinal de contas, o comportamento dos consumidores está mudando o tempo todo, assim como, novas tendências no nicho de marketing digital sempre estão surgindo.

Logo, é preciso ficar de olho e se adequar a essas mudanças, a fim de garantir muitas vendas.

Gostou do post? Ficou com alguma dúvida? Comente abaixo!!!  

kim walachai produtora de conteudo

Sou MEI e Não Recebi Auxílio Emergencial

“Sou MEI e não recebi o Auxílio Emergencial”. Por que está demorando tanto? O que fazer caso a solicitação seja rejeitada ou reprovada? Saiba mais!

Como já era de se esperar, o Auxílio Emergencial de R$600,00 disponibilizado pelo Governo Federal está dando o que falar!

A saber que, a princípio, a lista de quem teria direito ao benefício, bem como, das datas de pagamento – que até então, foi objetiva e clara – no decorrer dos dias, foi ficando confusa e bastante desorganizada.

Acontece que, obviamente não seria nada fácil realizar o pagamento para milhões de pessoas em tempo recorde. Ainda mais, diante de tantas mudanças dentro e fora do governo.

Sem contar que o avanço da COVID-19 em todo o país, por si só, já causa tamanha turbulência!

No entanto, muitos trabalhadores informais e MEIs, que até então, seriam os primeiros assegurados pelo Auxílio Emergencial, até agora não conseguiram receber o benefício.

Como resultado, muitas famílias estão sofrendo pela ausência de assistência básica.

Leia também: “Auxílio Emergencial Banco Santander”

Por que sou MEI e não recebi o Auxílio Emergencial?

O benefício destinado para pessoas de baixa renda e profissionais que não possuem CLT, já deveria ter sido pago para milhões de brasileiros.

Contudo, de acordo com os dados divulgados pelo Portal do Sebrae, apenas 36% dos MEIs se enquadram nos critérios para o recebimento do benefício.

Sendo que, o destaque vai para àqueles trabalhadores que recebem até 3 salários mínimos por família (R$3.135) e que não tiveram rendimentos tributáveis acima de R$28.559,70 no ano de 2018.

Todavia, esse último critério está por cair.

Nesse sentido, falta apenas a aprovação do Senado para derrubar de uma vez por todas, essa exigência, que particularmente, não existe fundamento algum!

Portanto, se você recebeu mais de R$28.559,70 no ano de 2018, pode estar com o status do benefício ‘em análise’, justamente, porque o Senado ainda não votou na emenda.

Mas, os deputados garantem que o resultado da votação deverá ser anunciado ainda na semana que vem. Onde a expectativa é de que haja uma aprovação total contra o critério inicial colocado pelo governo.

Outras possibilidades

A empresa Dataprev, responsável pela análise dos dados requerentes ao benefício, informou que ainda falta analisar mais de 15 milhões de registros feitos através do site e/ou aplicativo disponibilizado pela Caixa Econômica Federal.

Ou seja, muita gente ainda, sequer, teve o cadastro analisado.

Contudo, a empresa garante que a resposta para esses cadastros sairá na semana que vem.

O governo também anunciou que depositou o auxílio para 11,2 milhões de pessoas na última sexta-feira dia 17 de abril. Sendo que, 4,5 milhões de pessoas ainda receberão o benefício, porém não existe uma data exata para esses pagamentos.

Em suma, trabalhadores que estão se perguntando “Sou MEI e não recebi o Auxílio Emergencial”, podem respirar aliviados.

Pois, de acordo com o governo, todos receberão seus auxílios, desde que atendam as exigências mínimas, ou seja, renda familiar de até R$3.135 ou R$522,50 por pessoa.

O que fazer em caso de Rejeição ou Reprovação do Cadastro?

No último dia 14, a Caixa Econômica anunciou que irá disponibilizar um canal em suas plataformas para que pessoas que tiveram o benefício rejeitado ou reprovado, possam pedir uma nova análise, a fim de acelerar o recebimento do ‘coronavoucher’.

Isso vale para quem errou o preenchimento do cadastro ou esqueceu de incluir alguma informação relevante!

Entretanto, esse canal ainda não existe. Afinal, a Dataprev ainda não terminou de analisar todos os pedidos.

Para quem está com o status do pedido em análise, o governo lamenta o atraso na validação e, reafirma que o prazo inicial de 5 dias úteis após cadastramento no aplicativo ou site, se mantém como sendo uma estimativa.

A Caixa Econômica, por sua vez, pede paciência (sabemos que não é fácil) e instrui que os usuários continuem acompanhando as atualizações do seu pedido através do aplicativo ou site.

Compartilhe esse conteúdo com seus amigos MEIs e trabalhadores informais!

Além disso, comente aqui se você já recebeu seu benefício ou se ele continua em análise.

kim walachai produtora de conteudo

Auxílio Emergencial Banco Santander

Descubra como receber o Auxílio Emergencial pelo Banco Santander e outros bancos, além da Caixa Econômica e Banco do Brasil.

Na última quinta-feira dia 16 de abril, 9,1 milhões de pessoas receberam a mensagem de atualização no status do aplicativo da Caixa Econômica – Auxílio Emergencial, criado pelo Governo Federal.

A mensagem dizia que a solicitação do auxílio tinha sido “aprovada” – e para muitos, era preciso aguardar o processamento do pagamento, a fim de descobrir como seria a forma de recebimento.

No entanto, acontece que a grande maioria dos trabalhadores informais, MEIs e tantos outros, forneceram dados de agência e conta corrente de outros bancos, além da Caixa Econômica e Banco do Brasil, cujo recebimento ‘seria’ agilizado.

Nesse sentido, caso você esteja nessa situação, fique atento(a), pois alguns bancos estão liberando o Auxílio em uma Conta Poupança Automática aberta apenas para esse fim.

Leia também: “Auxílio Emergencial 5ª Parcela Calendário”

Continue a leitura e descubra se é o seu caso!

Auxílio Emergencial Banco Santander

Aparentemente, o Banco Santander adotou as mesmas medidas dos demais bancos (Caixa Econômica e Banco do Brasil), e neste sábado (18/04), abriu uma conta poupança automática para correntistas que fazem parte do grupo de beneficiados pelo Auxílio Emergencial de R$600,00.

Pelo menos, surpreendentemente, foi o que aconteceu com algumas pessoas que estavam aguardando o dinheiro cair em conta!

Nesse sentido, muitas pessoas que foram ‘contempladas’ pelo benefício e estão esperando o dinheiro cair na conta corrente, podem ter a surpresa de descobrirem uma nova conta poupança em seu nome.

SMS que alguns correntistas receberam

Ao abrir o aplicativo do Banco Santander – Android e IOS, por exemplo, é possível verificar dados da Conta Poupança.

Ainda que o correntista não tenha nenhuma poupança aberta até o momento, pode ser que o próprio Santander tenha feito isso de maneira automática.

Muitos titulares estão tendo a ‘surpresa’ de descobrirem por acaso, os R$600,00 nessa nova poupança.

Por isso, caso você esteja esperando o dinheiro cair na conta corrente do Santander ou de algum outro banco – dê uma olhada na poupança, pois pode ser que o dinheiro já esteja lá!

ATENÇÃO: Caso o dinheiro não esteja nem na conta corrente, nem na conta poupança, aguarde até segunda-feira. Pois existe a possibilidade do dinheiro cair até o dia 20 de abril para essa demanda de beneficiados.

Como funcionará a Movimentação do Auxílio Emergencial?

A Caixa informou que a movimentação do dinheiro irá depender do tipo de conta e do banco do beneficiado. Visto que, em alguns casos o usuário poderá movimentar como bem entender.

Contudo, para àqueles que não possuem conta em banco físico e terão que receber através da poupança digital criada pela Caixa Econômica, o saque só será liberado a partir do dia 27 de abril.

Sendo que, será possível fazer transferência do dinheiro para outras contas ou ainda, pagar boletos pelo aplicativo Caixa Tem.

Seu Auxílio Emergencial ainda está em análise?

A Dataprev – Empresa de Tecnologia e Informações da Previdência, que está responsável pela análise dos dados, informou que ainda falta analisar mais de 15 milhões de cadastros.

Mas, garante que a resposta para esses trabalhadores sairá na semana que vem – entre os dias 20 a 24 de abril.

Como sacar o Auxílio Emergencial pela conta digital?

Segue o calendário de saque em DINHEIRO da poupança digital sem cartão criada pela Caixa – nos canais de autoatendimento e lotéricas:

  • 27 de abril – nascidos em janeiro e fevereiro
  • 28 de abril – nascidos em março e abril
  • 29 de abril – nascidos em maio e junho
  • 30 de abril – nascidos julho e agosto
  • 4 de maio – nascidos em setembro e outubro
  • 5 de maio – nascidos em novembro e dezembro

Quer saber mais sobre o assunto? Deixe seu comentário e compartilhe essa informação no Facebook com àqueles que precisam de uma resposta!

kim walachai produtora de conteudo

Customer Success: Atividades e Principais Implicações

O Customer Success tem como objetivo assegurar que os clientes de uma determinada empresa terão uma boa experiência em seus negócios.

Embora os conceitos de sucesso do cliente (Customer Success) e experiência do cliente sejam antigos, foi há relativamente pouco tempo que cada um deles passou a contar com metas, atividades, orçamento e até um número de funcionários exclusivamente dedicados à função.

Os clientes de todas as empresas passam por uma “jornada” que descreve seu progresso no processo de trabalho com seu fornecedor.

Em suma, essa jornada do cliente geralmente é dividida em vários estágios, como por exemplo, conscientização, consideração, seleção e retenção.

Em princípio, um cliente típico passará por esses estágios, do começo ao fim, à medida que progridem no relacionamento com o fornecedor.

Nesse sentido, a cada estágio dessa jornada, o cliente interage com o fornecedor e, essas interações são frequentemente chamadas de pontos de contato.

Portanto, o Customer Success é um gerenciamento focado no relacionamento da empresa com o cliente. Em síntese, é preciso alinhar as metas do cliente com as metas estabelecidas pela empresa, a fim de que ambos sejam mutuamente beneficiados.

Leia também: “Benchmarking: O que é e como aplicar em seu negócio”

kim walachai produtora de conteudo

Customer Success | Fatores Importantes de suas Atividades

Em cada ponto de contato, o cliente pode passar por uma experiência positiva, negativa ou neutra.

Por exemplo, ele pode achar o vendedor, particularmente, útil e receptivo durante o estágio de Consideração – ou seja, pode considerar essa etapa uma experiência positiva.

Mas, eventualmente, o cliente pode achar as instalações de suporte de autoatendimento complicadas e demoradas para usar durante o estágio de Retenção – como resultado disso, irá considerar essa, como sendo uma experiência negativa.

À medida que o cliente encontra esses diferentes pontos de contato, ele “aumenta sua experiência geral” de ser um cliente desse fornecedor.

Em última análise, o que podemos dizer é que o total de todos esses encontros são a jornada completa do cliente.

Nesse hiato, é a materialização do caminho pelo qual ele passa e que, por sua vez, informa a experiência geral que esse cliente terá ao longo de suas negociações com o fornecedor.

Experiência do cliente como uma função horizontal

O Gerenciamento da Experiência do Cliente é, por definição, o processo capaz de “medir, analisar e (o mais importante) melhorar” essa experiência.

Como a jornada do cliente é tão longa que cobre tantas funções comerciais diferentes dentro da empresa do fornecedor, o papel do “ Customer Success ” é essencial.

Esse profissional é efetivamente responsável por melhorar todos os aspectos da jornada do usuário, desde a primeira vez em que ele toma conhecimento do nome da marca, até o o fechamento da compra.

A função do Customer Success e de seu departamento, pode ser descrita como “horizontal” e “de suporte”, no sentido de cruzar várias funções corporativas, como P&D, marketing, vendas, etc., e desempenhar um papel de apoio a essas funções, ainda que não estejam diretamente relacionadas com o atendimento ao cliente,

Por fim, podemos dizer que profissional de Customer Success, por vezes, é tido como “o advogado dos clientes”. Afinal, eles estão lá para representar os interesses do cliente e para ajudar todas as funções “verticais” a se tornarem mais amigáveis.

A satisfação do cliente é essencial para o crescimento de qualquer negócio

Não importa quão grande seja sua equipe de vendas, poucas empresas podem crescer de maneira significativa ou sustentável, confiando simplesmente na prospecção de novos clientes.

Ou seja, é fundamental nutrir o bom relacionamento com os “velhos consumidores”.

Pois, para que o crescimento ocorra, quase todas as empresas precisam repetir negócios com sua atual cartela de clientes. Portanto, é necessário que haja renovações.

Em linhas gerais, toda empresa precisa considerar as oportunidades de upsell e vendas cruzadas com clientes já cadastrados em sua base de dados.

Conclusão

O papel do Customer Success é maximizar o valor que os clientes percebem, tanto dos produtos, como dos serviços adquiridos em sua empresa.

Talvez, essa seja sua principal tarefa, sobretudo, considerando que esse é um aspecto crítico nos empreendimentos modernos. Afinal, é para isso que existe a concorrência, não é mesmo?

Ficou com alguma dúvida? Deixe seu comentário, pois ele é muito importante para nós.

kim walachai produtora de conteudo

Como garantir a Produtividade no Home Office?

Embora manter a produtividade no trabalho Home Office seja um desafio, existem meios de lidar com essa rotina. Confira dicas de adaptação para render mais!

Trabalhar remotamente não é um novo conceito, mas pouca gente tem o hábito de desempenhar suas funções profissionais em casa.

Tanto que, quando a situação muda – como acontece nesse cenário atual de quarentena – manter a produtividade no trabalho home office pode ser um verdadeiro desafio.

No Brasil e no mundo, muitas empresas estão exigindo que seus colaboradores trabalhem remotamente. Portanto, conseguir administrar o tempo e lidar com as objeções que a rotina do trabalho remoto oferece, passa a ser algo essencial.

Em função disso, se você também faz parte da lista de pessoas que migrou do escritório para o quarto ou sala, confira nossas dicas de Produtividade no Trabalho Home Office!

Leia também: “Alimentos para Produtividade e Concentração”

Vantagens do Trabalho Home Office

Trabalhar em casa ainda gera muitas questões.

Uma delas, por exemplo, é que muitas empresas estão percebendo que é totalmente possível economizar dinheiro fechando seus antigos escritórios. Afinal, grande parte do trabalho de sua equipe pode ser realizada remotamente.

Isto é, potencialmente, essa pandemia global pode estar transformando a maneira como muitos enxergam o mundo.

Tal como, pode ser um divisor de água para o mundo dos negócios.

No geral, as pessoas passam a ter mais liberdade em suas carreiras, sendo que essa autonomia, pode ser potencialmente benéfica, tanto para o colaborador, quanto para a empresa.

Dicas de Produtividade no Home Office

A seguir, confira algumas dicas que, certamente, irão te ajudar a estabelecer uma rotina saudável e bastante produtiva:

Defina seu horário de trabalho e cumpra-o

Para garantir a produtividade no trabalho Home Office é essencial ter um horário bem definido. Inclusive, já falamos disso em outro artigo “O que é Procrastinar? Como se livrar deste hábito?”.

Acontece, que nunca é demais dizer o quão importante é ter um cronograma bem definido.

Em outras palavras, é essencial conhecer seu relógio biológico. Tendo como base, os horários do dia em que você se sente mais disposto(a).

Se você acorda bem, com energia e disposição. Com certeza, irá produzir melhor nas primeiras horas do dia.

Todavia, se você tem mais energia durante a noite, pode dormir até mais tarde e trabalhar no período noturno.

Use a rotina Home Office à seu favor. Jamais contra! Abuse dessa autonomia que você está tendo agora!

Gerencie seu tempo livre

Você sabe o que é ter um tempo livre, não é mesmo?

Afinal, você adora ver séries na Netflix, e obviamente, não faz isso durante a jornada de trabalho.

Por isso, não confunda as coisas!

Aqui em casa, costumo trabalhar de manhã para garantir que no final do dia terei pelo menos duas horas para ver minhas séries e filmes favoritos.

Faça o mesmo por você!

Estipule um horário para ser ‘seu tempo livre’ e jamais trabalhe durante esse período.

É importante conseguir dividir as coisas, pois dessa forma, você evita o famoso “trabalho em excesso”, que geralmente, acomete quem trabalha remotamente. E eventualmente, prejudica a qualidade do trabalho.

Crie um espaço de trabalho

Se você mora sozinho(a), é muito mais fácil tratar qualquer área da sua casa como um espaço de trabalho.

Mas, mesmo assim, você ainda precisará fazer algum tipo de “separação” para conseguir assimilar as coisas em sua própria cabeça.

Acredite, o ser humano precisa disso! E isso é importante para manter a motivação no Trabalho Digital.

Considere decorar um ambiente da casa, para que ele fique com “cara de escritório”. Ou ainda, decore um cantinho da sua casa para que ele fique com “cara de casa”.

Entende a sacada?

Algum local da sua casa precisa ser destinado para o trabalho, enquanto outro, precisa ser o lugar para se desconectar desse trabalho.

Se comunique, se comunique, se comunique…

Manter a comunicação, é tão importante quanto manter a calma durante essa pandemia.

Portanto, nada de desespero! Nem em função da doença, muito menos, em função do emprego!

Use as ferramentas de comunicação como sendo suas melhores aliadas nessa nova batalha.

Fale com seus amigos e familiares, a fim de manter a sanidade em dia. Contudo, lembre-se de enviar atualizações regulares para seu gerente, clientes, supervisor…

Ou seja, trate seu trabalho Home Office como sendo tão importante, quanto seu trabalho no escritório. Sabe por quê? Porque ele de fato, é!

E jamais se esqueça de priorizar a comunicação com quem você ama, afinal, não há dinheiro no mundo que pague por isso!

Por fim, muita atenção!

Estamos vivendo uma Revolução Tecnológica e cabe a você, decidir como se posicionar dentro dela!

Espero ter ajudado!

Volte mais vezes e assine nosso blog para receber novidades em primeira mão!

Um forte abraço e até mais!